No Ar :

Baixe nosso app

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Últimas Notícias:

Invalid or Broken rss link.

Outubro deve ter temperaturas acima da média e possível onda de calor no Brasil

O mês de outubro promete manter as temperaturas elevadas em todas as regiões do País, de acordo com um comunicado divulgado pela Climatempo.

Segundo a empresa de meteorologia, Estados das regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-oeste devem ter temperaturas acima da média; na região Sul, as temperaturas devem estar um pouco acima da média.

Outubro já é um mês tipicamente quente, em que costumam ocorrer registros de temperaturas extremas, de acordo com a Climatempo. Associado a isso, neste ano, a atuação do El Niño pode propiciar mais uma onda de calor.

A expectativa é de que o fenômeno continue influenciando as temperaturas globais até o verão. Basicamente, o El Niño é um evento que causa o aquecimento acima do normal do Oceano Pacífico Equatorial. Como consequência, há alteração na circulação dos ventos e no padrão de pressão atmosférica em diversas regiões.

Os especialistas explicam que, se surgirem áreas de alta pressão atmosférica muito fortes e persistentes, pode haver bloqueio na atmosfera, afastando as frentes frias, deixando o ar seco e podendo resultar em uma onda de calor.

Além do aumento das temperaturas, o El Niño também deve provocar o aumento das chuvas na região Sul e reforçar as condições de seca no Norte e Nordeste.

“Com a atuação forte do fenômeno El Niño este ano, as pancadas de chuva que já podem ocorrer naturalmente por causa do calor nesta época, ficam mais irregulares. Isso significa que durante esse mês de outubro, será comum termos períodos de 3 a 5 dias praticamente sem nenhuma chuva, que é um reflexo dessa irregularidade, dessa mudança da circulação de ventos causada pelo El Niño”, explica o meteorologista da Climatempo Vinícius Lucyrio.

Na região Sudeste, a maior parte das chuvas deve estar associada ao calor — modalidade de precipitação que os meteorologistas chamam de convectiva.

No Centro-Oeste, as altas temperaturas também devem influenciar no regime de chuvas, com precipitações irregulares, e possibilidade de pancadas de chuva, em geral à tarde ou à noite.

Fonte: O Sul